Deus é Maravilhoso, Jesus é Incrível e Eu…

Deus é Maravilhoso, Jesus é Incrível e Eu…


“Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus”. Mateus 7:21

Ao acessarmos as mídias sociais é raro não nos depararmos com mensagens a respeito das “obras de Jesus”.  Deus é demais, Jesus é maravilhoso, Este Deus tudo pode e “Não há nada impossível para Deus”estão entre as milhares de mensagens postadas diariamente com o objetivo de promover o evangelho e os “feitos de Cristo”.

Apesar de aparentemente nobre, esta “divulgação” de Jesus está longe do que Jesus pediu ou pregou aos seus discípulos. De fato, a única menção de Jesus sobre a proclamação de seus milagres foi em resposta à pergunta de João Batista, que preso e injustiçado, começara a ter dúvidas sobre se Jesus era mesmo o aguardado Messias.

O evangelho que Jesus pediu que seus discípulos proclamassem é o evangelho da salvação e arrependimento e não o de milagres e conquistas materiais. Em nenhum lugar nos evangelhos Jesus usa a cura e os milagres como ferramenta de disseminação de sua palavra. As curas e os milagres eram sinais do amor e da compaixão de Deus em Cristo por toda criatura. De fato, ao realizar diversas curas, a solicitação de Jesus era normalmente que não dissessem a ninguém o que havia sucedido Lucas 8:56Marcos 1:43-44

Jesus sabia que a publicidade sobre seus milagres poderia atrapalhar sua missão e desviar a atenção pública do que era o mais importante: Sua mensagem de salvação e mudança de vida. Jesus não queria pessoas centradas nos milagres que Ele realizou , mas sim na mensagem que Ele proclamou e na salvação que ele trazia a todos que Nele cressem.

O mesmo vale hoje em dia. Deus prefere que estejamos focados e proclamando sua salvação através de Jesus Cristo em vez de nos concentrarmos em curas e milagres. As bênçãos materiais e financeiras, conquistas, curas e outras bênçãos, podem ou não acontecer, pela graça de Deus, na vida de qualquer pessoa que segue ou não a Jesus, mas Jesus morreu e ressuscitou para que fôssemos salvos e houvesse mudança de vida e é isso que devemos anunciar. Para pregar o evangelho com eficiência precisamos ao menos buscar vivê-lo.

A bíblia diz que sem fé é impossível agradar a Deus e sem fé em amor pelo próximo eu Não tenho como agradar a Deus, por que Deus é amor. A maior proclamação das obras de Cristo que podemos realizar é através da realização das mesmas obras que ele realizou e seus discípulos seguiram, cuidando dos doentes, não defraudando qualquer pessoa, ajudando o próximo, dividindo com quem não tem,  tornando a carga do meu irmão mais leve, libertando os oprimidos e anunciando o Ano Aceitável do Senhor, ou seja, o dia em que toda divida foi perdoada e nosso relacionamento com Deus restaurado.

Não quer dizer que não podemos de vez em quando testemunhar onde quer que seja sobre algum milagre, mas sim que este jamais deve ser o foco da nossa mensagem.

Jesus declarou que nossas obras realizadas em amor como obra da Graça de Deus através da verdade do evangelho em nossos corações são as únicas coisas que nos seguirão para a eternidade. Naquele dia Jesus não perguntará quantos posts você enviou sobre ele nas mídias sociais, o quanto você falou sobre ele na internet ou o quanto você foi contra tudo que aos seus olhos ia contra a vontade de Deus, mas a pergunta de Jesus será apenas se o evangelho que nos foi anunciado fez raiz de verdade em nossos corações e se manifestou em obras pelo Espírito Santo através da vida vendo-o com fome, e te-lo dado de comer; vendo-o com sede, e tê-lo dado de beber; vendo-o estrangeiro e o hospedando. 

Que aquele que realiza todos os milagres, escondidos ou manifestos, esteja sempre em seu coração.

Categories

+ There are no comments

Add yours

Leave a Reply